VISLUMBRES


View My Stats

domingo, 8 de janeiro de 2012

O IMENSO MAR DOS SONHOS POR TECER ou metáforas e duplos sentidos


Relembro as velhas asas que não uso

Sobrevoando os medos que não tenho

Neste eixo imaginário em que desenho

Rotas possíveis para o que recuso



E, de asas a adejar, num som confuso

Em que sonho subir, recuo e venho,

Só das asas me sirvo e, se as desdenho,

É porque ser mais livre é ser recluso



E quanto mais no alto, mais rasando

O chão que aqui me vai aprisionando

Nesta terra que sou, mesmo sem ser



E quanto mais me elevo e vou voando,

Mais fundo, muito mais, vou mergulhando

Nestoutro mar dos sonhos por tecer…







Maria João Brito de Sousa – 05.01.2012 -13.13h

8 comentários:

Mar Arável disse...

Muito belo

Eduardo Miguel Pereira disse...

E eu mergulho e eu voo por estas belas linhas poéticas que aqui nos deixa.

Maria disse...

Tão bonito...

Fabrício Santiago disse...

olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Fabrício e cheguei até vc através do Blog Os & Degraus. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir meu blog Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. Estou me aprimorando, e com os comentários sinceros posso me nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs

Narroterapia:

Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.

Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.

Abraços

http://narroterapia.blogspot.com/

Maria João Brito de Sousa disse...

Olá, Fabrício Santiago! Eu quase poderia jurar que já li, antes, o seu convite... a minha memória é estranhíssima mas não falha em certas pequenas coisas :)
Vou passar pelo Narroterapia e, se conseguir, deixo por lá o meu abraço! Entendo lindamente essa necessidade de feedback, amigo... só tenho pena de ter tão pouco tempo disponível... Ah... vai ser só amanhã! Este gabinete acaba de encerrar!

Maria João Brito de Sousa disse...

:) Obrigada, Mar Ar´vel!
Abraço grande!

Maria João Brito de Sousa disse...

Obrigada pelo "mergulho", Eduardo Miguel Pereira! :)
Abraço grande!

Maria João Brito de Sousa disse...

:) Muito obrigada, Maria! :)
Abraço grande!